ferramentas

Home Office – Principais aprendizados após 1 mês de experiência

Blog
Por Lucas Ribas
8 de abril de 2020 | 5 minutos

O crescimento do home office já vinha desde antes da quarentena obrigatória por conta do Covid-19. Mas após o aumento das medidas de reclusão, muitas empresas se viram obrigadas a adotar o home office como parte importante das suas rotinas diárias. E para nós, não foi diferente. Após algumas semanas com nossa equipe trabalhando nesse formato, fizemos uma reunião para levantar aprendizados, erros e pensamentos sobre o assunto: home office.

 

Listamos abaixo 3 aprendizados e 3 coisas para evitar o adotar o Home Office, tanto do ponto de vista do gestor, quanto do ponto de vista do colaborador.

 

home office

Seja de forma espontânea ou forçada, o trabalho home office é realidade para muitos.

Aprendizados

Aprendizado 1 – Organize seu local de trabalho

Foi unânime entre nossa equipe que ter uma mesa de trabalho organizada e pronta para “te receber”, quando for trabalhar, pode aumentar muito a sua produtividade, quando você estiver trabalhando no formato home office. Evite deixar xícaras e pratos espalhados sobre a mesa que você trabalha, ao finalizar seu dia de trabalho, limpe a mesa e leve a louça para a cozinha. No dia seguinte o seu ânimo não será abalado ao chegar em uma mesa bagunçada.

 

Aprendizado 2 – Mantenha a rotina

Coisas como acordar no mesmo horário de sempre, parar para almoçar e trocar de roupa, fazem muita diferença. Isso mesmo, trocar de roupa foi um dos itens citados por nossa equipe que aumentam a produtividade no home office. Isso até gerou uma certa discussão, algumas pessoas preferem trabalhar de pijama, já outras se sentiam mais “prontas para o batente” ao estar vestindo uma roupa normal. E você? Já tentou as duas formas? O melhor é experimentar e avaliar o resultado, quem sabe essa dica te ajude de alguma forma.

 

Aprendizado 3 – É possível ser feliz no home office

Se você é do tipo que não se adapta e sofre quando, por motivos de força maior, é obrigado a trabalhar em home office, não se desespere! Você não é anormal. Mesmo em uma equipe pequena como a nossa, percebemos que existem dois tipos de pessoas, aquelas que são mais produtivas e gostam do home office e aquelas que não conseguem ser tão produtivas e preferem o ambiente de trabalho tradicional. E sabe o mais legal? Essa diversidade é muito boa! Não somos todos iguais, então tem espaço para todo mundo.

 O que evitar?

O que evitar 1 – Barulho e distrações

Ter um local isolado do resto da casa é um item que ajuda muito a produtividade no home office. Muitas vezes isso não é possível e os familiares, mesmo sem a intenção, acabam interrompendo momentos de concentração importantes. Neste caso, ou você consegue através do diálogo, combinar regrinhas para quando estiver trabalhando, ou você terá que fazer parte da galera que não curte home office e prefere o trabalho tradicional.

Mas se ainda assim quiser tentar o home office mais um pouco, experimente colocar a regra do fone de ouvido: “Se eu estiver de fone, só me interrompa se for incêndio ou perigo de vida”. O problema é quando você também é gamer e usa essa desculpa para não atrapalharem o seu jogo, nesse caso, tome cuidado para não descobrirem sua gracinha e boa sorte 😉

 

O que evitar 2 – Não ter metas

Essa vem direto do nosso gestor de projetos, se sua empresa não tem metas, deveria ter. Mas ainda assim coloque metas diárias para serem cumpridas por você quando estiver em home office. Dessa forma consegue controlar como anda sua produtividade e tem uma noção se está indo bem ou mal. “Não ter metas na vida, é como dirigir um carro sem volante”.

 

O que evitar 3 – Ficar muito tempo longe

Para isso criar uma rotina de reuniões rápidas de alinhamento de tarefas é importante. Manter o contato humano, mesmo que de forma virtual, é importante para alimentarmos (um pouquinho que seja) nossa necessidade social e manter a motivação em alta.

Para fazer isso, você pode usar a dupla Slack e Trello, como ferramentas para apoiar esse momento, inclusive temos um artigo, que fala sobre essas duas ferramentas fantásticas para gestão de projetos.

 

Não somos especialistas em home office, a intenção deste artigo foi compartilhar práticas e experiências reais adotadas por nossa equipe trabalhando nesse formato. E você já trabalhou assim, como está indo?

Artigos Relacionados

ferramentas

Trello e Slack – A dupla que vai garantir organização para seus projetos

Autor Ecco | 5 minutos
Trello e Slack são como unha e carne, pelo menos aqui na agência! São duas ferramentas fundamentais para a gestão de projetos e comunicação da equipe, não apenas aqui na yard., como em centenas ou milhares de empresas em todo o mundo. E podemos dizer que elas revolucionaram nosso fluxo de... Leia Mais